BOO-BOX

ANUNCIAD

BOO-BOX

ANUNCIAD

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

QUESTÕES DE GEOGRAFIA SOBRE AGRICULTURA

1) Um dos temas científicos mais polêmicos da atualidade são os organismos geneticamente modificados (OGMs), conhecidos como transgênicos. Nos últimos anos, a área plantada com OGMs aumentou vários milhões de hectares no mundo, inclusive no Brasil. Sobre esse tema, assinale a alternativa correta:
a) Cinco países são os responsáveis por cerca de 98% da área total de plantações de transgênicos no mundo, entre eles a Argentina e o Canadá;
b) O Paraná, maior produtor de soja do Brasil, é também o estado brasileiro com maior área plantada de soja transgênica;
c) No Rio Grande do Sul, as lavouras de soja transgênica são pouco disseminadas em função das abruptas variações topográficas e da acidez dos solos locais;
d) Devido à exigência dos consumidores e as leis rigorosas do Governo brasileiro, o Brasil não produz soja transgênica.
2) O manejo da terra na Amazônia, quase idêntico ao sistema indígena das coivaras, faz com que dificilmente os caboclos ou as autoridades aceitem medidas restritivas ao uso do fogo.” (Texto datado de 1957). A leitura do texto permite afirmar que ele:
a) Está parcialmente ultrapassado, pois os esforços do Governo e da Sociedade Civil têm visado ao controle da prática de queimadas na Amazônia;
b) Está ultrapassado, graças à instalação de grandes projetos agroindustriais e à redução das áreas de roças que diminuiu os problemas causados pelo fogo na floresta;
c) Está ultrapassado, pois, hoje, com a integração da região ao restante do País, associada à migração interna, as antigas práticas agrícolas foram abandonadas;
d) Ainda é verdadeiro, pois, hoje, as maiores queimadas são realizadas pelas grandes empresas agropecuárias instaladas na Região.
3) Nestes últimos anos, a movimentação da produção de milhões de toneladas de soja tem requerido cada vez mais velocidade com qualidade e baixos custos, pois o frete é um componente importante no preço final de produtos agrícolas. Pode-se mesmo afirmar que a distribuição seletiva de grandes sistemas de transporte tem provocado profundas transformações no uso do território brasileiro.
Assinale a alternativa que apresenta um título adequado ao texto:
a) A organização do espaço geográfico é fator importante para o aumento da competitividade do setor agroindustrial;
b) A cadeia produtiva da soja caracteriza-se pela aliança entre grandes empresas nacionais detentoras de modernas tecnologias;
c) O crescimento do agronegócio tem provocado fortes impactos geoecológicos no espaço nacional;
d) A necessidade de aumentar a produtividade agrícola tem elevado o nível tecnológico dos complexos agroindustriais.
4) Durante alguns séculos, campo e cidade interagiam mutuamente, mas com o processo que se inicia com as grandes navegações e consolida-se com a Revolução Industrial, não é mais possível ficarmos imunes às mudanças e continuarmos com os mesmos conceitos e classificações hierárquicas. Quando Lisboa, Londres, etc. têm relações intensas com áreas distantes, de onde vem grande parte de suas riquezas, é pouco falarmos apenas em uma cidade que tem um campo do qual depende e vice-versa, ou, antes, é incorreto.
SANTOS, M. Metamorfoses do espaço habitado. São Paulo: Hucitec, 1998, p. 54.
Com base no texto apresentado, podemos afirmar que:
a) As relações com as áreas longínquas ao campo imediato passam a ser uma constante, e mesmo uma necessidade para as cidades;
b) Como há trinta anos, atualmente é possível falarmos em dicotomias como cidade-campo, agrícola-industrial etc;
c) Quanto menos modernizada a atividade agrícola, mais ampla e dependentes são as suas relações com as cidades;
d) Devido à separação campo-cidade, hoje o trabalhador agrícola é um habitante exclusivo da zona rural.
5) A técnica agrícola do dry-farming, consiste no revolvimento do solo, trazendo à superfície as camadas mais úmidas e férteis. Ela é muito utilizada nos Estados Unidos, principalmente:
a) Nas pastagens extensivas do Meio-Norte norte-americano;
b) No cultivo do algodão, no Sul do país;
c) No plantio do milho, na porção central do território;
d) Nas culturas de cana-de-açúcar, no sudeste do país;
e) Na fruticultura, no Oeste norte-americano.
6) O processo de ocupação do Centro-Oeste do Brasil, teve a reprodução de mecanismos já conhecidos na história da ocupação produtiva do território brasileiro, como as frentes de expansão e as frentes pioneiras. As frentes de expansão foram formadas basicamente por:
a) Garimpeiros de pedras preciosas, vindos principalmente do Triângulo Mineiro;
b) Pecuaristas de gado bovino, atrás de pastagens naturais de boa qualidade;
c) Trabalhadores agrícolas, expulsos pela modernização agrícola do Sudeste;
d) Retirantes nordestinos, que fugiam das graves secas ocorridas na década de 1950;
e) Especuladores da terra, que buscavam lucros com a construção de Brasília.
7) O clima e a qualidade da terra existentes na região, tornam o Sul uma das mais férteis regiões agrícolas do país. Nesse contexto, a Serra Gaúcha aparece com maior destaque na:
a) horticultura         b) vitivinicultura        c) cafeicultura        d) rizicultura   
8) Os textos a seguir diferenciam duas regiões geoeconômicas brasileiras, conforme foram delimitadas por Corrêa (1997, p. 202 e 209), como possuindo:
I. "Principal área agropecuária do país. (...) aparece, em primeiro lugar, pela enorme variedade de sua produção que inclui produtos como o café, cana-de-açúcar, soja, algodão, trigo, laranja, milho, fumo, arroz, banana, uva, leite, lã, carne bovina e suína, e aves e ovos, dentre outros. A esta enorme variedade, acresce-se, em segundo lugar, o fato da região situar-se em primeiro lugar em valor e volume da produção em relação a esses produtos" (...).
II. "Diferentes tipos de conflitos sociais. envolvem eles a grande empresa capitalista, o latifúndio pecuarista, a população indígena, os pequenos produtores, peões das fazendas, seringueiros e garimpeiros. A terra está no centro dos conflitos; trata-se de conflitos entre a reprodução do capital e a reprodução do pequeno produtor, de um lado, e entre ambos e a população indígena, de outro".
Com base na regionalização proposta pelo autor, e após a leitura das peculiaridades apresentadas nos textos, pode-se afirmar que as regiões caracterizadas são, respectivamente:
a) Sudeste e Centro-Oeste     b) Centro-Sul e Nordeste     c) Sul e Amazônia
d) Norte e Nordeste               e) Centro-Sul e Amazônia
9) Na década de 80, em meio à diversidade de movimentos sociais no campo brasileiro, nasceu e se expandiu rapidamente o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra - MST. São características das ações do MST as abaixo relacionadas, exceto:
a) Criar acampamentos, como estratégia de luta, para pressionar o Governo;
b) Ocupar terras para mostrar a necessidade da reforma agrária;
c) Caminhar pelas estradas, realizando manifestações;
d) Organizar grandes cooperativas em acampamentos estabelecidos;
e) Desenvolver nas terras conquistadas experiências de produção coletivizada.
10) A agricultura fornece, tanto produtos essenciais à alimentação como matérias-primas para vários tipos de indústria. Clima, tipos de solos e água, são fatores favoráveis à produção agrícola, além das facilidades tecnológicas de que o país dispõe. Os países campeões na produção de trigo, laranja e soja são, respectivamente:
a) China, Brasil e EUA            b) Argentina, EUA e Brasil      c) EUA, Brasil e Canadá
d) China, EUA e Argentina      e) Argentina, Brasil e EUA
11) As indústrias de bebidas na Região Sul do Brasil, estão estabelecidas no interior das áreas de pequenos e médios produtores de uva. As cidades que apresentam a maior concentração de indústrias de bebidas derivadas da uva no Brasil, são:
a) Garibaldi, Londrina e Maringá;
b) Porto Alegre, Brusque e Garibaldi;
c) Bento Gonçalves, Garibaldi e Caxias do Sul;
d) Joinville, Garibaldi e Blumenau;
e) Bento Gonçalves, Garibaldi e Joinville.
12) Os impactos ambientais provocados pela expansão da cultura da soja nas áreas do Cerrado brasileiro constitui um assunto polêmico entre os ambientalistas. Nesse sentido, considere os ítens:
I. Apesar dos solos de má qualidade, a rica flora do Cerrado quase não depende dos nutrientes do subsolo da região, pois as plantas nutrem-se diretamente da enorme quantidade de húmus que elas mesmas produzem.
II. O desmatamento do Cerrado não é um fenômeno atual, pois o Planalto Central Brasileiro sempre foi uma das regiões mais populosas do país.
III. A expansão da soja no Cerrado consome bilhões de litros d'água para a irrigação e também causa graves impactos ambientais no Pantanal Matogrossense.
Está(ão) correto(s) o(s) item(ns):
a) I e II     b) I, II e III     c) I e III     d) II e III     e) III
13) A lavoura doo café tem sofrido, durante toda a sua história, períodos de altos e baixos, apogeus e crises, relacionados a causas diversas, em diferentes épocas. No século XX, houve um momento em que aconteceu um forte período de decadência do café produzido no Brasil. Esse período está associado ao seguinte fato:
a) O Golpe de Estado de 1964;
b) O início do processo de Mundialização da Economia;
c) A Depressão Norte-Americana de 1929;
d) A política de Glasnost adotada por Gorbatchev, que fechou o mercado russo para o café;
e) A Guerra Fria.
14) A expansão da produção da soja no território brasileiro vem acontecendo para atender a diversos interesses, como os que estão citados a seguir, exceto:
a) O cultivo da soja necessita de grandes investimentos em máquinas e também em insumos;
b) Essa atividade agrícola proporciona a garantia de muitos postos de trabalho, sobretudo nos grandes latifúndios de Goiás, Minas Gerais e Oeste da Bahia;
c) A produção em larga escala da soja associa-se ao agronegócio e aos complexos agroindustriais;
d) A exportação da produção da soja colabora para que haja superávit na balança comercial brasileira;
e) O preço da soja no mercado internacional relaciona-se, também, com os mercados de ações e grandes grupos financeiros.
15) O Instituto Brasileiro de Reforma Agrária (IBRA), hoje Instituto Brasileiro de Colonização e Reforma Agrária (INCRA), realizou em 1965 o nosso primeiro cadastro fundiário e classificou as propriedades existentes, de acordo com os artigos 41 e 46 do Estato da Terra. Uma dessas propriedades apresenta a seguinte definição:
"imóvel que, tendo a extensão correspondente de um até seiscentos módulos, seja explorado 'econômica e racionalmente', tendo cerca de 50% de sua área aproveitada".
Qual a propriedade descrita na definição acima?
a) Minifúndio                              b) Módulo Rural                  c) Empresa Rural
d) Latifúndio por dimensão         e) Latifúndio por exploração
16) A Região Nordeste, destaca-se na produção nacional de:
a) soja e trigo                         b) laranja e café                c) cacau e uva    
d) cana-de-açúcar e milho       e) fruticultura irrigada e camarão
17) A região do Centro-Oeste do Brasil na qual predominam os cultivos de soja, milho e trigo, é a (o):
a) Triângulo Mineiro           b) Cinturão Verde          c) Vale do Parnaíba (GO)
d) Região de Campo Grande e Dourados (MS)        e) Chapada dos Veadeiros
18) Forma de utilização da terra destinada à pastagem ou ao cultivo, na qual o proprietário aluga a quem tem capital para explorá-la:
a) Arrendamento    b) Parceria     c) Grilagem     d) Posse
19) O uso de sementes selecionadas, pequena mão de de obra, uso intensivo de máquinas e caráter empresarial, caracterizam a:
a) Agricultura Orgânica      b) Agricultura Moderna      c) Agricultura de Jardinagem
d) Agricultura Itinerante     e) Agricultura de Precisão
20) Agricultura que contempla a mecanização da produção e a utilização de insumos modernos, é capaz de manter a fertilidade do solo e aumentar a duração das atividades agrícolas na mesma área, o que diminui a necessidade de expansão de novas áreas e, consequentemente, a pressão sobre as florestas, no caso da Região Amazônica. As propriedades que, por meio de modernas técnicas de preparo do solo, cultivo e colheira, apresentam elevados índices de produtividade, praticam a agricultura denominada de:
a) Camponesa     b) Itinerante     c) Intensiva     d) Extensiva     e) Familiar
Gabarito
1 - a     2 - d     3 - a     4 - a     5 - e     6 - c      7 - b     8 - d     9 - d     10 - a
11 -  c    12 - e   13 - c     14 - b    15 - c     16 - e     17 - c     18 - a     19 - b
20 - c

Nenhum comentário:

Pesquisar este blog

Carregando...