BOO-BOX

ANUNCIAD

BOO-BOX

ANUNCIAD

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

AS INDÚSTRIAS DOS TRÊS PRINCIPAIS ESTADOS NORDESTINOS: BAHIA, PERNAMBUCO E CEARÁ

  A industrialização do Nordeste está diretamente vinculada à criação da Sudene, em 1959. Essa foi uma iniciativa do governo federal para, a partir do desenvolvimento de infraestrutura e de incentivos, atrair capitais privados para a região.
  Nos últimos anos a região Nordeste tem atraído elevados investimentos para seu setor econômico. Além disso, a atividade industrial da região está em ascensão. Isso acontece em decorrência de melhorias ocorridas nas indústrias nativas e da chegada de inúmeras empresas oriundas de outras partes do país, especialmente do Sudeste.
  Dentre as principais indústrias, estão as do ramo alimentício, calçadista e vestuário.
  A migração de empresas para a região se deve principalmente pelo fato do Nordeste possuir abundante mão de obra e do baixo custo de produção, além dos incentivos fiscais pelo qual muitos estados oferecem. Há também o fator da proximidade de matérias-primas, como a cana-de-açúcar, algodão, frutas, cacau, tabaco, entre outros.
A produção de cacau na Bahia contribuiu para a vinda de empresas produtoras de chocolate
  Veja agora as principais áreas industriais dos Estados nordestinos.
BAHIA
  Na Bahia a política de intervenção promovida pela Sudene, levou à criação do Polo Petroquímico de Camaçari, onde se localiza a Refinaria Landulfo Alves e o Centro Industrial de Aratu, na região metropolitana de Salvador.
  O Polo Petroquímico de Camaçari é o maior complexo industrial integrado do hemisfério Sul. Fica localizado no município de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. Abriga diversas indústrias químicas, petroquímicas e de outros ramos de atividade como a indústria automotiva, de celulose, metalurgia, de cobre, têxtil, bebidas e serviços. O polo iniciou suas operações em 1978, sendo o primeiro complexo petroquímico planejado do país.
Polo Industrial de Camaçari
  Com a atração de novos empreendimentos para a Bahia, o Polo Industrial de Camaçari experimenta um novo ciclo de expansão, gerando mais oportunidades de emprego e renda para o Nordeste.
  A produção de automóveis pela Ford, consolida a trajetória de diversificação no Complexo Industrial e amplia as perspectivas de integração do segmento petroquímico com a indústria de transformação.
Fábrica da Ford no Polo Industrial de Camaçari
  O Centro Industrial de Aratu (CIA) é um complexo industrial multissetorial fundado em 1967 e está localizado na Região Metropolitana de Salvador, nos municípios de Candeias e Simões Filho. Em sua área encontra-se em operação o Porto de Aratu, além de empreendimentos dos segmentos químico, metal-mecânico, calçadista, alimentício, moveleiro, metalúrgico,  minerais não metálicos, plásticos, entre outros.
  Desde o dia 15 de julho de 2011, o Porto de Aratu passou a chamar-se Porto de Aratu-Candeias. O porto fica localizado na Baía de Todos os Santos, e o terminal é responsável por 60% de toda a carga movimentada em modal marítimo na Bahia, ao atender o escoamento da produção e entrada de produtos para o Polo Petroquímico de Camaçari, o Centro Industrial de Aratu e o Complexo da Ford de Camaçari.
Porto de Aratu-Candeias 
  A Refinaria Landulpho Alves (RLAM), é uma refinaria localizada no município de São Francisco do Conde (BA), e pertence à Petrobras, com capacidade instalada para 323 mil barris/dia.
  Seus principais produtos são propano, propeno, iso-butano, gás de cozinha, gasolina, nafta-petroquímica, querosene, querosene de aviação, parafinas, óleos combustíveis e asfalto.
Refinaria Landulpho Alves
  A refinaria começou a ser construída em 1949, com o nome de Refinaria de Mataripe, e está ligada à descoberta dos primeiros poços de petróleo no país. Sua construção formou uma classe operária egressa do trabalho com a pesca e a agricultura.
  Com a criação da Petrobras, em 1953, a refinaria foi incorporada ao patrimônio da companhia, passando a chamar-se Refinaria Landulpho Alves-Mataripe, em homenagem ao engenheiro e político baiano que muito lutou pela causa do petróleo no país.
Landulpho Alves
   A Bahia conta ainda com o Centro Industrial de Subaé (CIS), que é o principal centro industrial do município de Feira de Santana. As empresas que se instalam no Centro, são atraídas pelo incentivo fiscal. Entre os destaques do centro está a implantação de um campus industrial da empresa sul-coreana Digitmedia, especializada na área de tecnologia da informação.
Centro Industrial de Subaé (CIS) - Feira de Santana
PERNAMBUCO
  Em Pernambuco, os incentivos fiscais favoreceram os municípios da região metropolitana do Recife, onde se concentram principalmente indústrias de material elétrico, mecânica, têxtil, cimento, além do Polo Industrial e Portuário de Suape e a construção da refinaria Abreu e Lima.
  O Complexo Industrial Portuário de Suape, abriga empresas como o Estaleiro Atlântico Sul, o maior estaleiro do hemisfério Sul, e a central de logística da General Motors.
Estaleiro Atlântico Sul - maior estaleiro do hemisfério Sul
  A Fiat lançou em Suape, no final de 2010, a pedra fundamental de sua nova fábrica, a terceira da marca na América Latina. A pedra fundamental da Refinaria Abreu e Lima foi lançada em 2005. A Companhia Petroquímica de Pernambuco (Petroquímica Suape) iniciou a pré-operação da unidade de polímeros e fios de poliéster em 2010.
  A construção do Porto de Suape foi prevista para operar produtos combustíveis e cereais a granel. O porto é um dos maiores do Brasil, e é administrado pelo governo de Pernambuco. Sua área de influência abrange todo o estado de Pernambuco e parte dos estados de Alagoas e Paraíba, e é considerado o porto mais tecnologicamente avançado do Brasil. Opera navios nos 365 dias do ano, sem restrições de horário de marés.
Porto de Suape
  Suape conta com um porto externo, porto interno, terminais de granéis líquidos, cais de múltiplos usos, além de um terminal de contêineres.
  A matriz da multinacional pernambucana Baterias Moura está localizada na cidade de Belo Jardim, e fornece baterias para a metade dos carros fabricados no Brasil.
Fábrica da Baterias Moura em Belo Jardim - PE
  Outra importante empresa pernambucana, é o conglomerado Queiroz Galvão, que reúne mais de 50 empresas nos segmentos de construção, desenvolvimento, imobiliário, alimentos, participações, concessões, óleo e gás, siderurgia e engenharia ambiental. O grupo está presente em todos os estados brasileiros, assim como em países da América Latina e da África, exportando seus produtos para os Estados Unidos, Canadá e Europa.
  O Grupo Industrial João Santos, fundado em Pernambuco, é o produtor do Cimento Nassau e um dos mais importantes conglomerados industriais do país. A empresa atua no ramo comercial, de papel e celulose, açúcar, transportes, comunicação e cimento. Seu projeto foi baseado na integração porto-indústria.
Sede do Grupo Industrial João Santos em Recife
  A Rnest, Refinaria do Nordeste ou Refinaria Abreu e Lima, localizada no município de Ipojuca, será a primeira refinaria de petróleo inteiramente construída com tecnologia nacional. A Petrobras considera que essa refinaria será a mais moderna já construída em território nacional, pois será a primeira adaptada a processar 100% de petróleo pesado com o mínimo de impactos ambientais e produzir combustíveis com teor de enxofre menor do que o exigido.
  O parque de refino da Abreu e Lima será orientado principalmente para a produção de óleo diesel.
Obras da refinaria Abreu e Lima
  Na região do Araripe situam-se reservas abundantes de gipsita, que correspondem a 18% das reservas brasileiras, mas seu teor de aproveitamento é bastante alto, devido às condições favoráveis de mineração, à pureza do minério e a localização estratégica, na fronteira entre os estados de Pernambuco, Ceará e Piauí. O Polo Gesseiro de Araripina, responde por mais de 90% da produção nacional de gipsita.
Produção de gipsita no Polo Gesseiro de Araripina
  Caruaru, Toritama e Santa Cruz de Capibaribe, formam juntos o Polo de Confecções do Agreste de Pernambuco, também denominado de "Triângulo das Confecções". É um exemplo de empreendedorismo de sucesso, com grande impacto na economia local e na geração de emprego, respondendo, entre as empresas formais e informais, por 13% da produção nacional do setor.
Santa Cruz do Capibaribe - PE
  O Polo de Confecções do Agreste de Pernambuco tem despontado como importante polo produtor de vestuário, inicialmente ao longo da década de 1990, produzindo peças de baixa qualidade voltadas a um mercado regional pouco exigente e, atualmente, inserindo-se num cenário de maior abrangência e de valor agregado mais elevado, explorando os conceitos de moda, tendência e suas especificidades.
 Fábrica de confecções em Santa Cruz do Capibaribe
  Em Santa Cruz do Capibaribe foi inaugurado em 2006, o maior parque de confecções da América Latina, denominado de Moda Center Santa Cruz, que abriga de modo permanente, a feira de confecções. A cidade é a maior produtora de confecções de Pernambuco e a segunda maior produtora de confecções do Brasil. É conhecida como a Capital da Sulanca ou Capital das Confecções.
Moda Center Santa Cruz - maior parque de confecções da América Latina
CEARÁ
  No Ceará, o destaque fica para o Distrito Industrial de Maracanaú, que está localizado na cidade de Maracanaú. Esse distrito possui indústrias de preparação de britamento e outros trabalhos em pedras, produtos de laticínios, artefatos têxteis de tecidos, artigos para cama, mesa e colchoaria, produtos alimentícios, entre outros.
Fábrica no Distrito Industrial de Maracanaú
  O Terminal Portuário do Pecém, ou Porto de Pecém, está localizado no município de de São Gonçalo do Amarante. Tem como objetivo viabilizar a operação de um complexo com características de Porto Industrial, cuja missão é incrementar o transporte intermodal de cargas na região, pela oferta de infraestrutura, de programas, de sistemas e de parcerias que resultem em desenvolvimento sócioeconômico para o estado do Ceará. Entre Caucaia e São Gonçalo do Amarante, será instalado uma ZPE (Zona de Processamento de Exportação), onde serão instaladas uma siderurgia e uma refinaria de petróleo.
Porto de Pecém
  Sobral, localizado no noroeste do Ceará, é o município maior produtor de calçados do Nordeste.
  O Polo Calçadista do Cariri concentra 162 indústrias calçadistas do estado. Esse polo compreende os municípios de Crato, Juazeiro do Norte e Barbalha e é o maior polo calçadista do Norte/Nordeste.
Fábrica da Grendene
FONTE: Bigotto, José Francisco. Geografia sociedade e cotidiano: espaço brasileiro, 7° ano / José Francisco Bigotto, Márcio Abondanza Vitielo, Maria Adailza Martins de Albuquerque. 2. ed. São Paulo: Escala Educacional, 2009.
Wikipédia. 

2 comentários:

Dilermando Lemos disse...

Sou Dilermando Lemos, trabalhei em Mataripe entre 1958 a 1960. Fui apropriador de mão de obra na Contabilidade de Custos, meu chefe era sr.Milton Cunha, se algúem me der noticias agradecerei.Meu e-mail para contato é:dilaclemos@gmail.com
Agradecido.
Dilermando Castro Lemos Costa

BLOG DO PROFESSOR MARCIANO disse...

Ok, Dilermando, vai ficar registrado no blog. Abraços

Pesquisar este blog

Carregando...